Pare de se sabotar e dê a volta por cima

Pare de se sabotar e dê a volta por cima

Querida pessoa, hoje eu quero falar com você sobre uma coisa muito séria. Quero falar sobre as suas metas e sonhos que são sabotadas por alguém: você! Sim, precisamos conversar sobre a autossabotagem e a necessidade de entender este processo que te impede de realizar os seus sonhos.

Quando falamos em autossabotagem, falamos de um processo em que as nossas inseguranças, nossos medos e nossa ansiedade se tornam protagonistas da nossa própria história. Com isso, temos atitudes que são capazes de arruinar e destruir as nossas conquistas e nossos sonhos. Assim, começamos a criar dúvidas sobre nosso merecimento e sobre as nossas habilidades nos mais diversos setores de nossa vida.

Ao ler este artigo, você deve estar se questionando: “Zé, isso é possível?”. E eu te digo, querida pessoa: sim, é possível! Muitas vezes, nosso maior inimigo é a gente mesmo. Quer alguns exemplos de autossabotagem?

1 – Processos de emagrecimento

Você vê que precisa perder uns quilinhos. Faz uma bateria de exames, o médico estipula uma dieta para que você alcance os seus objetivos. Você começa a fazer exercícios e reeducar a sua alimentação. Quando você começa a obter os resultados esperados, o que você faz? Come algum alimento que não está na dieta, procrastina com a prática de exercícios e começa a perder o ritmo do processo de emagrecimento, sem nenhum motivo aparente.

2 – Promoção e ascensão na carreira profissional

Você começou a dar passos importantes em sua carreira, investiu em cursos e formações para desenvolver as habilidades necessárias para aproveitar as oportunidades de crescimento em sua carreira. Um dia, você recebe uma nova responsabilidade e assume uma nova função dentro da organização empresarial. Você investiu energia, tempo e dinheiro para chegar neste momento tão importante. A promoção dos seus sonhos se torna uma realidade. O que você faz? Começa a chegar atrasado, entrega suas tarefas fora do prazo, tem uma queda considerável em seu desempenho profissional.

3 – Relacionamentos felizes

Você conheceu uma pessoa interessante. Ambos se apaixonam pelo outro e uma linda história de amor começa. A relação está bem, do jeito que você sempre quis. Uma relação saudável, harmoniosa e, principalmente, repleta dos melhores sentimentos. Neste momento, você começa a ter atitudes grosseiras com a pessoa amada, a não demonstrar o seu afeto. Em suma, você não demonstra que está feliz.

Estas são algumas situações que exemplificam a autossabotagem em nosso cotidiano. Perceba, querida pessoa, como ela se manifesta nas situações em que deveríamos nos regozijar e reconhecer o melhor que temos? Situações em que nosso esforço e talento estão evidentes. Mas, ao invés disso, temos atitudes que sabotam as nossas conquistas.

O que fazer para parar de se sabotar e dar a volta por cima?

Para te ajudar neste processo, separei algumas dicas poderosas para você reconhecer o seu poder infinito e ir além cada vez mais!

 

1- Autoconhecimento é fundamental

“Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas”. Estas poderosas palavras foram proferidas por Sun Tzu, no livro “A Arte da Guerra” e mostra o quão importante é o autoconhecimento. Afinal, quem é o nosso maior sabotador neste processo? Nós mesmos! Portanto, investir em autoconhecimento é importante para entender o que te leva a se sabotar. Isso te ajudará a tomar medidas e atitudes que contribuam com a solução deste problema.

 

2- Faça planejamentos

A partir do momento que você se conhece e entende o que te levar a autossabotagem, traçar as suas metas de vida e se planejar para atingi-las será mais seguro. Você se conhece e entende as suas limitações, conhece o seu potencial e entende que é capaz de ir além. Então, se organize e planeje para conquistar aquilo que você deseja!

 

3- Procure ajuda

Enfrentar a autossabotagem não é um processo fácil. Enfrentar nossos próprios medos, insegurança e dores requer coragem, preparo. Pode ser um enfrentamento difícil e não há nada de errado nisso. Se este for o seu caso, não hesite em pedir ajuda. Conversar com amigos, psicólogos, busque alternativas que te ajudem a parar de se sabotar e dar a volta por cima.

 

4- Foco e disciplina sempre!

É importante que você tenha comprometimento com este processo. Mantenha o foco no seu objetivo – neste caso, superar a autossabotagem. Além disso, é fundamental que você tenha disciplina para cumprir o que foi traçado no planejamento. Uma ferramenta importante que pode te ajudar neste processo é o Diário de Bordo. Nele, você conta de maneira bastante objetiva e direta como foi o seu dia e o que você deseja fazer no dia seguinte. Além disso, o Diário de Bordo é uma ferramenta excelente para que você reconheça os avanços que você teve dia após dia.

 

5- Celebre as suas conquistas

Como mencionei anteriormente, superar a autossabotagem é um árduo processo. Mas, os resultados são altamente gratificantes. Acredite! E justamente por ser um processo marcado por muita superação, nada mais justo que comemorar as suas próprias vitórias, não é mesmo? Portanto, não deixe de comemorar o que conquistou e reconheça que você é capaz de ir além.

Espero que estas dicas poderosas contribuam muito com o seu processo de superação, querida pessoa. Desejo que você pare de se sabotar e dê a volta por cima! Se você acredita que este conteúdo pode ajudar outras pessoas, curta e compartilhe em suas redes sociais.

(Texto extraído do site: http://www.ibccoaching.com.br)

Pense nisso e viva melhor!

Compartilhe este texto com seus amigos nas redes sociais!

Sou autor do site Motivação e Foco, consultor comportamental, apaixonado por gente e pela vida.

Quero trocar experiências e conhecimento com você, deixe seu comentário, envie um e-mail e me siga nas redes sociais.

Não há comentários

Deixe uma resposta