A parábola do passarinho, do cavalo e do gato

A parábola do passarinho, do cavalo e do gato

Certa vez, um passarinho estava voando rumo ao Alaska.

Depois de certo tempo voando começou a fazer frio, muito frio mesmo. As asas do passarinho começaram a congelar. Ele tentou bater as asas mais rápido, tentou assoprar as asas pra ver se elas paravam de congelar, mas nada adiantou. O passarinho caiu no meio da neve com as asas congeladas.

Sem conseguir se mexer, sem comida, congelando de frio, o passarinho pensou:

– O que mais me falta acontecer?

Nesse momento se aproximou um cavalo. O cavalo chegou perto do passarinho, passou por cima dele, levantou o rabo e defecou em cima do passarinho e foi embora.

O passarinho novamente pensou:

-Era só isso que me faltava. Vou morrer congelado, com fome e ainda nas fezes deste animal.

Mas, o passarinho percebeu que aquelas fezes em volta dele estava ajudando a derreter o gelo das suas asas. Depois de uns 10 minutos ele já estava quase pronto pra voar. Foi então que se aproximou dele um gato e começou a lambe-lo, tirou todo as fezes do passarinho que pensou:

-Puxa, que sorte!!! Como esse gato é bonzinho, me limpou inteirinho.

Quando o gato terminou de limpar o passarinho, ele colocou-o na boca e o comeu.

Autor: Desconhecido

 

Em nossas vidas, às vezes, algo de ruim nos acontece, mas com o tempo percebemos que o que parecia ruim nos trouxe algum beneficio. De igual modo, acontecimentos que parecem bom podem destruir nossas vidas.

Pense nisso e viva melhor!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

Sou autor do site Motivação e Foco, consultor comportamental, apaixonado por gente e pela vida. Quero trocar experiências e conhecimento com você, deixe seu comentário, envie um e-mail e me siga nas redes sociais.

Não há comentários

Deixe uma resposta