Oportunidade Perdida

Oportunidade Perdida

Nos EUA existe a pena de morte. E um homem, por um motivo fútil, embriagado, iracundo, descontrolado, matou um amigo dentro de um bar. Ele foi preso em flagrante, julgado e condenado à morte. Ele ficou aguardando a execução.

Levantou-se nos EUA um clamor nacional, pedindo ao governador daquele estado que tinha pena de morte, que perdoasse o criminoso, concedendo-lhe o perdão, o indulto, mudando a pena, tirando de sobre ele a pena de morte.

Sensibilizado, o governador resolveu conceder o indulto para aquele criminoso. E o governador decidiu que, pessoalmente, levaria aquela carta concedendo o perdão, transferindo a pena de morte para outra coisa.

Vestido de terno, o governador foi visitar o preso. Quando viu aquele homem de terno à porta de sua cela, o preso, que era uma pessoa ignorante, pensou que fosse um Pastor dentro da cadeia, de terno e gravata. Ele falou com ele mesmo: “Hum…mais um Pastor aqui para me encher a paciência”. Assim, ele deu às costas ao governador. Porque naquela semana, ele já havia sido visitado por sete Pastores que lhe pregavam o arrependimento.

Pensando que o governador era mais um Pastor, o condenado virou as costas e não quis mais atender ao governador, sem saber que junto estava o perdão – a mudança da pena de morte.

O governador ficou aborrecido de ver a dureza do coração daquele homem que não quis sequer atende-lo, sendo ele governador. A autoridade foi embora e cancelou o perdão.

O carcereiro chegou para o preso e disse: “Você é louco? Por que não atendeu ao governador? O homem veio aqui pessoalmente te trazer perdão e você não o atendeu? ” O condenado respondeu: “Ah, mas eu pensei que era um Pastor. Chame ele para mim, chama”. Disseram: “Agora é tarde. O governador já foi embora.

Aquele homem foi executado e nada adiantou os seus apelos e seus pedidos, pois já era tarde demais. O Senhor Jesus declara: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei e ele comigo”.

Você pensa que eu sou simplesmente um Pastor? Eu sou servo do Deus Altíssimo e eu trabalho para Jesus Cristo. Eu estou aqui enviado em nome do Senhor para trazer o perdão, a chance de salvação para a sua vida. Eu não te trago isso na forma de uma carta. Eu te trago isso na forma da Palavra de Deus. E se você quiser, e receber, você será perdoado e salvo.

Mas se você me desprezar e ignorar esta Palavra que eu te trago, desprezando a pessoa que eu represento, que está me enviando a ti, depois será tarde demais. Ouve, então agora a voz do seu Senhor, abre o seu coração, se arrepende dos seus pecados e aceita a Jesus Cristo como o teu Único Salvador, porque Ele não somente é o perdão, mas principalmente a tua salvação.

Autor:  Pr. Juanribe Pagliarin

Pense nisso e viva melhor!

Compartilhe este texto com seus amigos nas redes sociais!

Sou autor do site Motivação e Foco, consultor comportamental, apaixonado por gente e pela vida.

Quero trocar experiências e conhecimento com você, deixe seu comentário, envie um e-mail e me siga nas redes sociais.

Não há comentários

Deixe uma resposta