O peso do rancor

O peso do rancor

O professor pediu para que os alunos levassem batatas e uma sacola plástica para a aula.

Durante a aula, ele pediu para que separassem uma batata para cada pessoa de quem sentiam mágoas, escrevessem os seus nomes nas batatas e as colocassem dentro da sacola. Algumas das sacolas ficaram muito pesadas.

A tarefa consistia em, durante uma semana, levar para todos os lados a sacola com as batatas.

O incômodo de carregar a sacola, a cada momento, mostrava-lhes o tamanho do peso espiritual diário que a mágoa ocasiona. Bem como o fato que, ao colocar a atenção na sacola para não esquecê-la em nenhum lugar, os alunos deixavam de prestar atenção em outras coisas que eram importantes para eles.

Esta é uma metáfora sobre o preço que se paga, todos os dias, para manter a dor, o rancor e a negatividade.

Perdoar e deixar estes sentimentos ir embora é a única forma de trazer de volta a paz e a calma.

Pense nisso e viva melhor!

Gostou! Então compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

Sou autor do site Motivação e Foco, consultor comportamental, apaixonado por gente e pela vida. Quero trocar experiências e conhecimento com você, deixe seu comentário, envie um e-mail e me siga nas redes sociais.

Não há comentários

Deixe uma resposta